quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Um simples ato complicado

Esses dias ao me deparar com uma campanha para doação de sangue, resolvi pesquisar um pouco mais sobre o assunto num site.
Longe de querer fazer apologia contra a doação, mas gostaria de saber qual o percentual de pessoas que não passam pela triagem.
Parece um ato tão simples para salvar vidas, mas é mais cheio de restrições do que imaginava.
Não é possível que todo estoque de sangue do mundo seja proveniente dos conventos das freiras celibatárias vegetarianas dos montes urais.